Vendas sobem 14,6% em setembro; Fiat Strada supera Onix


Apesar da subida, estimativa da Fenabrave é que 2020 encerre com volume 29,4% menor que 2019
 
As vendas de automóveis e comerciais leves tiveram subida de 14,65 em setembro na confrontação com o mês anterior. O volume totalidade foi de 198.792 unidades emplacadas, na presença de 173.531 em agosto. Na confrontação com o mesmo período de 2019, entretanto, há retração de 10,9%. Os dados são do último balanço mensal da Federação Vernáculo da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave).
A entidade que representa as concessionárias reviu as projeções de vendas para nascente ano. Se no início do ano havia expectativa de 9% de incremento, em julho (posteriormente o início da pandemia de Covid-19) a estimativa foi revista para uma queda de 37,1%. Agora, com a ligeiro recuperação mensal do mercado, a projeção é de 29,4% de retração no reunido dos 12 meses.
No reunido de janeiro a setembro de 2020, foram emplacados 1.298.630 automóveis e comerciais leves, na presença de 1.934.890 no mesmo pausa de 2019 – queda de 32,9%.
“O mês de setembro, porquê já era esperado, registrou o maior volume de emplacamentos de 2020. O mercado vem se recuperando, visivelmente, desde julho, impulsionado pela manutenção da taxa Selic em níveis baixos, pela manutenção da queda de inadimplência e a consequente melhora na aprovação de crédito”, afirma o presidente da Fenabrave, Alarico Assumpção Júnior.

Mais vendidos
A novidade geração da Fiat Strada manteve o bom desempenho e liderou o ranking de mais vendidos pelo segundo mês seguido. A picape teve 11.873 unidades emplacadas, superando o Chevrolet Onix (11.710 unidades), que mantém a ponta reunido do ano, com 92.294 unidades.
Em terceiro lugar (na soma entre automóveis e comerciais leves) ficou o Volkswagen Gol, com 9.134, seguido de Hyundai HB20 (4º, 8.565), Fiat Argo (5º, 7.985), Chevrolet Onix Plus (6º, 7.093), Chevrolet Tracker (7º, 6.403), Jeep Compass (8º, 6.042), Ford Ka (9º, 5.956) e Jeep Renegade (10º, 5.748).
Fotos: Gustavo de Sá/Revista Coche




Fonte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

8 + dezoito =