Tesla Model 3 chinês tem qualidade superior ao similar americano



Bonito, mas não tão bom quanto se imagina. O Tesla Model 3 vem recebendo críticas de qualidade construtiva há bastante tempo. Os relatos variam desde borrachas e batentes secos até um defletor de ar sob a traseira que chega a carregar 3 kg de sujeira.Peças mal montadas, desníveis e outras coisas são relatadas por proprietários que compraram o best seller da Tesla. Até mesmo o Tesla Model Y não escapou de problemas de qualidade, todos oriundos da fábrica de Fremont, Califórnia.Todavia, agora se sabe que existe um Model 3 melhor que o americano, mas ele ainda não é o germânico, cuja Giga Berlim ainda está em construção, mas chinês.Conhecidos pela baixa qualidade dos produtos em universal, os chineses evoluíram muito nos últimos anos, embora isso não tenha feito com a indústria da falsificação e de produtos baratos sem nenhum comprometimento com a satisfação do cliente.Nos carros, eles avançaram muito e hoje é verosímil ter na garagem um coche chinês de olhos fechados. Qual? Temos alguns exemplos, mas o Volvo XC60 é a maior prova de que as coisas por lá mudaram muito. No caso da Tesla, também…O Model 3 fabricado na Gigafactory de Xangai é tido pela JD Power porquê de melhor qualidade em relação ao similar americano. Nos EUA, a Tesla ficou em último lugar na classificação da consultoria. Foram em média 250 falhas a cada 100 carros, o que é muita coisa.Já em Xangai, o Model 3 recebeu uma pesquisa do site 12365Auto, que averiguou um inferior índice de reclamações dos clientes, coisa porquê 327,2 queixas a cada 10.000 unidades! Isso dá uma média de 0,7 reclamação de problema contra 2,5 do equivalente americano.O motivo por trás desse progresso em qualidade construtiva possa ser o nível de automação mais saliente em Xangai, permitindo que o processo fabril elimine muitos dos defeitos apresentados normalmente no protótipo americano.Outro ponto é que o consumidor chinês com cima poder aquisitivo já está mais exigente. Basta lembrar que já teve comprador de Model S que destruiu em frente às câmeras, porquê forma de reivindicar contra a qualidade o resultado. Por lá, a Tesla não quer se aventurar, já que se tornou o mercado mais lucrativo. O que você achou desta notícia?



Fonte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezesseis − dez =