Polícia de SP ganha Corolla e Spin para patrulhamento


Corolla é a novidade soma para a frota da Polícia Militar de São Paulo
A Polícia Militar de São Paulho recebeu ontem 36 novas viaturas, e entre as novidades três unidades do Toyota Corolla para patrulhamento. Os carros serão usados para substanciar o patrulhamento rodoviário no Estado. Todas as novas viatursa foram designadas para dois batalhões de patrulhamento de rodovias no interno do Estado.
Polícia caça motoristas que postam vídeos de infraçõesChevrolet Tahoe 2021 é coche de polícia com motor V8Polícia apreende Lamborghini e tira sarro na web
Dos veículos, 26 foram destinados ao 2º Batalhão de Bauru. Para o comando da Polícia foram designadas duas viaturas Toyota Corolla, outras duas Chevrolet Trailblazer para o uso tático e ostensivo e 22 Chevrolet Spin para o patrulhamento de rotina. Já o 3º Batalhão da Polícia de Araraquara teve sua frota incrementada com 10 novas viaturas, com três sedãs Corolla, um utilitário Trailblazer e seis minivans Spin.

As viaturas foram doadas pela Eixo SP, concessionária de rodovias para facilitar no patrulhamento de rotina e ostensivo em uma malha de 1,2 milénio quilômetros de rodovias que cortam municípios das regiões Medial e Núcleo-Oeste.
Investimento de 3 milhões
A novidade frota da PM totaliza um investimento de R$ 3 milhões da Eixo SP na segurança rodoviária. Os veículos são entregues prontos para uso, com identificação visual, GPS, radiocomunicador e terminal de consulta ao banco de dados.
A destinação destes recursos consta no PII – Programa Intenso Inicial, que prevê investimentos pela Eixo SP nos 1.273 quilômetros de extensão das 12 rodovias que administra, de São Carlos, na região Medial, até Quadro, no extremo Oeste do Estado.
Veja também
+ A livraria básica do motociclista cool

+ Tomografia revela que múmias egípcias não são humanas

+ Varão compra Lamborghini posteriormente fraude em auxílio emergencial

+ Os 20 carros 1.0 mais econômicos do mercado brasílio

+ Restaurar um carro: quanto custa e quanto ele pode valorizar





Fonte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × três =