BMW apresenta a nova geração do Série 4 Cabrio


Foto: Divulgação
A BMW revelou a novidade geração do Série 4 Cabrio – a versão “fechada” foi mostrada em junho deste ano. O visual segue a novidade identidade do trabalhador, com a polêmica e exagerada grade frontal “duplo rim”.
O Série 4 Cabrio passou a oferecer 4,768 m de comprimento, 1,852 m de largura, 1,384 m de profundeza e 2,851 m de entre-eixos. O volume do porta-malas foi a 300 litros (80 litros a mais frente ao predecessor), com a capota ensejo, e de 385 litros (15 litros extras, com o teto fechado).
O visual do conversível pode receber o pacote M Sport Pro, que adiciona as rodas de liga ligeiro de 19″ e os acabamentos do exterior em ligamento de carbono, só para referir.
A cabine possui os bancos dianteiros ajustáveis eletricamente e o volante esportivo é um item de série. Segundo o trabalhador, o novo teto é 40% mais ligeiro frente ao do vetusto Série 4. O multimídia de 10,25″, agora tem conectividade Android Auto, além da já presente Apple CarPlay.

+ Veja mudanças posteriormente decisão do STF sobre IPVA+ VW Taos: SUV anti-Jeep Compass terá motor 1.5 e transmissão de sete ou oito marchas (mas não no Brasil)+ Songsan Summer é “clone” chinês da Volkswagen Kombi+ Ford Mustang-E GT quebra barreira dos quatro segundos
Foto: Divulgação
Motores
A versão 420i do BMW Série 4 emprega motor de quatro cilindros 2.0 de 186 cv de potência entre 5.000 e 6.500 rpm com 30,59 kgfm de torque a partir de baixos 1.350 rpm para ir de 0 a 100 km/h em 8,2 segundos. A velocidade máxima é de 236 km/h.
Os números de desempenho do 430i são de 261 cv e saudáveis 40,78 kgfm de 1.550 a 4.400 rpm permitindo apressar da imobilidade aos 100 km/h em 6,2 segundos.
Já o M440i xDrive esconde sob o capô um seis cilindros 3.0 com sistema híbrido-leve de 48V para transmitir 379 cv e 51 kgfm de torque. Com tração integral, são necessários 4,9 segundos para ir de 0 a 100 km/h – a máxima é de 250 km/h.
Também estão disponíveis opções a diesel. E o 420d traz um 2.0 dotado de sistema híbrido-leve, com 192 cv e 40,78 kgfm. O 430d possui um seis cilindros em risco, também híbrido-leve, mas capaz de esvaziar 290 cv e 66,28 kgfm. Por término, o M440d xDrive utiliza o mesmo conjunto, porém, capaz de produzir 345 cv e 71,38 kgfm – o zero a 100 km/h ocorre em 5,1 segundos.
Todas as configurações utilizam câmbio automático de oito marchas. Ainda de contrato com a BMW, a chegada das versões 430d e M440d xDrive está programada para os meses de julho e novembro do próximo ano, respectivamente.
Veja também
+ A livraria básica do motociclista cool+ Tomografia revela que múmias egípcias não são humanas+ Varão compra Lamborghini posteriormente fraude em auxílio emergencial+ Restaurar um carro: quanto custa e quanto ele pode valorizar





Fonte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

17 + um =