Volkswagen não lidera vendas no ano: a Fenabrave errou


Divulgação
Na acirrada disputa pela liderança do mercado brasiliano, uma notícia circula há alguns dias: a Volkswagen teria superado a Chevrolet em vendas no resultado “amontoado” do ano — de janeiro a setembro — e seria líder de vendas em 2020.
Mas os dados da Fenabrave estão errados, e devem ser corrigidos em breve. Assim, a Chevrolet segue na liderança no resultado deste ano… ao menos por enquanto. Isso não quer proferir que a situação da Chevrolet esteja fácil em nosso mercado.
Isso porque Volkswagen e Fiat vêm lançando novos produtos e estão em tendência de subida: as duas superaram a Chevrolet nos resultado de vendas mensais em agosto e setembro — sendo que o VW T-Cross foi o sege mais vendido em julho, o Chevrolet Onix em agosto e a Fiat Strada (inferior) chegou à liderança do mercado por protótipo em setembro.

Cá estão os números, considerando automóveis e comerciais leves: em agosto, a Volks teve 19,66% de participação, contra 18,07% da Fiat e 16,59% da Chevrolet; em setembro, a Fiat teve 19,66% das vendas, contra 17,09% da Volks e 15,99% da Chevrolet. Os números da Volks neste último mês estão errados, mas, mesmo quando corrigidos, mantém a marca na vice-liderança dos emplacamentos no resultado parcial deste ano.
O ERRO
O que houve foi que a Fenabrave somou, indevidamente, as vendas do pequeno caminhão (VUC) VW Express (imagens inferior) nas vendas da Volkswagen do Brasil. Mas o protótipo, embora seja considerado um mercantil ligeiro, não entra uma vez que Volkswagen do Brasil, mas uma vez que Volkswagen Ônibus e Caminhões.

Porquê foram emplacadas 2.384 unidades do VW Express, o número totalidade de vendas em 2020 da Volkswagen do Brasil cai de 223.786 unidades para 221.402. Enquanto isso, a Chevrolet emplacou 223.057 unidades no ano de 2020, entre primeiro de janeiro e 30 de setembro. Ou seja, se mantém em segundo lugar.
Que diferença isso faz? O título de marca mais vendida é altamente valorizado pelas marcas, que colam adesivos em seus carros, divulgam informativos à prelo e valorizam em suas propagandas a tão buscada colocação. Vale seguir acompanhando essa disputa.
Veja também
+ A livraria básica do motociclista cool+ Tomografia revela que múmias egípcias não são humanas+ Varão compra Lamborghini posteriormente fraude em auxílio emergencial+ Restaurar um carro: quanto custa e quanto ele pode valorizar





Fonte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 − 4 =