Peugeot vai mesmo retornar ao mercado americano em 2023



A Stellantis já está nas portas e muitas coisas vão mudar na FCA e PSA. Todavia, outras nem tanto, porquê é o caso do retorno da Peugeot ao mercado americano depois mais de duas décadas de privação.Larry Dominique, CEO da PSA nos EUA, confirmou que a intenção da Peugeot em voltar ao mercado americano continua e deu a data: 2023. Na estratégia de retorno, a marca americana será apoiada por uma rede de concessionários.Esse processo já está sendo feito e a teoria é obter um número suficiente para operar dentro dos EUA, mas somente em 15 dos 50 estados do CONUS inicialmente.O processo de seleção irá envolver um investimento menor que o normal, visto que as revendas serão pequenas e simples. Dominique disse que será um “processo mais simples e eficiente”.Ele explica que normalmente os revendedores americanos gastam muito em lojas suntuosas e outros investimentos supérfluos em infraestrutura para invocar atenção.Larry Dominique diz que isso é desperdício de moeda e redução dos lucros, sendo um “um bom exemplo de desconexão ou falta de verdade, se você me perguntar”.Grandes concessionárias que custam milhões de dólares são um resultado da pressão dos fabricantes, que exigem lojas cada vez maiores e mais caras, o que reduz o proveito do revendedor.Dominique chegou a referir que existe até um tipo específico de mármore exigido para se edificar uma grande revenda nos EUA, mas que não final não mudará zero para o cliente e muito menos para o lojista.Dominique: “Até hoje ainda estamos construindo grandes concessionárias que custam dezenas de milhões de dólares, exacerbando o protótipo de aspiração de custos muito fixo existente hoje”.Os estados de Arizona, Califórnia, Carolina do Setentrião, Flórida, Geórgia, Illinois, Maryland, Massachusetts, New Hampshire, Novidade Jersey, Novidade York, Texas, Virginia e Washington são os alvos da Peugeot nos EUA.Sobre o lineup, Dominique não disse zero, mas podemos imaginar que os crossovers e SUVs terão papel  fundamental, porquê o 3008 atualizado, o 5008 e o Novo 2008, somente para debutar.A Peugeot pode até malparar um 1008, além do 508 e de sua versão perua. Todos deverão ter qualquer tipo de hibridização para se primar no cenário americano.[Fonte: The Detroit Bureau]   O que você achou desta notícia?



Fonte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 + 8 =