McLaren começa a entregar o 765LT aos primeiros compradores


Com produção limitada a 765 unidades, superesportivo terá 6 exemplares destinados ao Brasil
 
A McLaren começou a entregar o 765LT, revelado em março, aos primeiros compradores. Com produção limitada a 765 unidades, o superesportivo terá 6 exemplares destinados ao Brasil – neste caso, a entrega dos primeiros está prevista para entre dezembro próximo e janeiro de 2021. O preço do 765LT é estimado em 280 milénio libras esterlinas, o equivalente a mais de R$ 2 milhões na conversão direta.
Fundamentado no 720S, o 765LT é 80 kg mais ligeiro (1.339 kg) e possui aceleração 15% mais rápida – para ir de 0 a 100 km/h, são necessários exclusivamente 2,8 segundos. Na prova de 0 a 300 km/h, são 18 segundos. A máxima é de 330 km/h.

Todo esse desempenho é fornecido pelo motor 4.0 V8 biturbo, que ganhou modificações uma vez que novos pistões de alumínio forjado, novidade explosivo de combustível e uma explosivo de óleo com fluxo otimizado para prometer 45 cv extras – são 765 cv a 7.500 rpm e 81,6 kgfm de torque a 5.500 rpm.
O câmbio do 765LT é automatizado de dupla embreagem e sete marchas; a tração, somente traseira. Seguindo o padrão dos modelos LT (Longtail) anteriores, o 765 traz um kit aerodinâmico individual todo em filamento de carbono, incluindo a asa traseira “longtail” ativa e rodas mais leves, de 19″ na vanguarda e 20″ na traseira, feitas em alumínio forjado.

Freios com discos de cerâmica e pinças vindas do McLaren Senna, um novo escape e suspensão com novas molas e amortecedores completam o pacote de modificações.

Fotos: Divulgação





Fonte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × três =