EUA: VW quer Tarok para enfrentar Ford e Hyundai



Os planos locais para a picape Volkswagen Tarok estão adiados, conforme a marca alemã já adiantou, em virtude do impacto financeiro decorrente do coronavírus. Porém, parece que nos EUA, o padrão está sendo aguardado com mais expectativa.Em entrevista ao site Autoline, o CEO da VW of America Scott Keogh sugeriu a picape Tarok porquê uma rival para enfrentar Ford Maverick e Hyundai Santa Cruz. Para realçar a proposta diante do consumidor americano, o executivo buscou no pretérito uma referência às picape da VW.No caso, em relação à Caddy, derivado do Rabitt, o Golf americano. Lançada em 1979 e fabricada em Westmoreland, Pensilvânia, que foia  primeira fábrica VW nos states, Keogh disse: “Se você observar o que a VW fez com o Rabbit/Golf, com o Jetta, esses segmentos realmente esgotaram, ficaram significativamente menores. Poderíamos trazer isso de volta à vida com um veículo de pick-up/estilo de vida?”.Keogh ainda observou a concorrência: “Acho que você vê que a Ford está discutindo isso e a Hyundai obviamente está fazendo um também. Vale a pena procurar alguma coisa”. Completou: “Acho que poderíamos.” Já em, relação à produção, O dirigente da VW americana indicou Puebla, no México, porquê mais vantajosa para fazer a picape em custos reduzidos. Por seu porte menor, Keogh disse que a base MQB da Tarok já é feita no país latino, o que facilita sua produção em vez de Chattanooga, que faz uma MQB maior para o Atlas. Ela precisaria passar por adaptações custosas para virar americana. A Ford, por exemplo, fará isso com sua Maverick.Com preço inicial sugerido de US$ 25.000, pelo próprio Keogh, a VW Tarok chegaria ao mercado americano com 4,91 m de comprimento, 1,83 m de largura, 1,67 m de fundura e 2,99 m de entre eixos. Numa veras americana, a picape poderia dispor do motor 2.0 TSI Gen3 de ciclo Miller com 186 cavalos e 32,6 kgfm, além de Tiptronic de 8 marchas e tração 4×4.Cá, importada do México, traria o vernáculo 1.4 TSI Flex de 150 cavalos e 25,5 kgfm e, talvez, uma versão diesel 2.0 TDI com 180 cavalos e 42,8 kgfm porquê o da Amarok. No primeiro, caixa automática de seis, enquanto o segundo teria a transmissão com oito velocidades e obrigatória tração 4Motion.Volkswagen Tarok Concept – Galeria de fotos[Fonte: Autoline]  



Fonte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

catorze + quinze =